A saga prossegue…

14 mar

Amigo/a leitor/a, não perca a tomografia realizada aos capítulos da novela “Império do amor ao álcool” que o meu amigo Mauro Axlace analisa brilhantemente em http://aqipossa.blogspot.com/2010/03/imperio-do-amor-ao-alcool.html

Mas atenção, amigo/a, porque há quem diga que o Mauro é um puro maldizente. Há quem assegure que a ‘verdade verdadinha’ está toda no sítio Globoesporte.com que garante que “o atacante negou alcoolismo ou uso de drogas”.

– “Qual jogador que não bebe cerveja? Quase todos bebem. (…) Eu tive um problema na época do São Paulo e todo mundo já associa.”

– “Nunca usei drogas, nunca provei nada. (…) De repente é porque moro na favela e aí associam.”

– “Aconteceu esse episódio com a minha noiva (…). Não a agredi, nem ela a mim. Falaram até que eu a acorrentei. (…) “Como eu não apareci em casa, ela foi lá e chegou lá nervosa, me empurrando, discutiu um pouco com o Bruno.”

– “Falaram que eu estava com 106 quilos, mas estou com 101.”

– “Eu não estava feliz na Itália, queria voltar ao Brasil. [Mas] não pensei em parar.”

Portanto, amigos/as, o nosso craque não tem nenhum problema com alcoolismo, não usa drogas, não agride a noiva, não pesa demais, nunca pensou em parar de jogar e… a Internazionale só o mandou embora porque ele “não estava feliz na Itália” e os italianos sentiam-se muito infelizes com isso…

Um verdadeiro exemplo de um profissional de futebol mal compreendido.

Publicada por Rui Moura em 00:35 2 comentários

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: