EM BREVE, UM TAPETE

9 fev

Engenhão receberá máquinas de iluminação do gramado

Fabricadas na Holanda, elas auxiliarão na manutenção do campo e aumentará a resistência do gramado do estádio do Botafogo

O gramado do Engenhão receberá tratamento especial feito por holandeses (Foto: Ruano Carneiro)

LANCEPRESS!
Publicada em 09/02/2012 às 15:59
Rio de Janeiro (RJ)

Após passar por reformas para receber a maratona de cerca de 30 jogos em 82 dias, só contando o Campeonato Carioca, o Engenhão, vai receber mais um reforço no início de abril: máquinas de iluminação, compradas na Holanda, que levarão luz a todos os setores do campo.

Este equipamento vai emitir luzes semelhantes à energia solar, usado em alguns dos principais estádios da Europa, que custa cerca de 1 milhão de euros (R$ 2,2 milhões). As máquinas já são usadas, por exemplo, pelos ingleses em Wembley para compensar a falta de luz solar em alguns pontos do gramado. Ele é operado pela empresa holandesa Stadium Grow Lighting (SGL) em parceria com a Ambev.

– Vamos criar um paradigma com o nosso novo gramado. Os demais clubes terão que nos seguir. Estamos prontos para aguentar o tranco – prevê orgulhoso o diretor executivo do Botafogo e administrador do Engenhão, Sérgio Landau.

Um técnico vindo da Holanda vai operar o equipamento, cuja manutenção e operação são bastante caros. Vale lembrar que no Campeonato Carioca o estádio terá uma partida a cada três dias. No acordo firmado com o Botafogo, a empresa só receberá pelos serviços se o trabalho tiver êxito. Uma espécie de contrato de risco. Na verdade, os holandeses estão de olho nos estádios que estão sendo construídos para a Copa de 2014. São todos modernos e com cobertura. Ou seja: são 12 potenciais clientes.

Botafogo fecha parceria para melhoria do gramado do Engenhão

 

O holandês Nico Van Vuuren, engenheiro da SGL, explicou que a máquina de iluminação funciona com lâmpadas especiais num suporte com rodas, que pode ser deslocado por todo o campo. Segundo ele as luzes têm comprimento de onda específico, que emite radiação UVA e UVB semelhante ao sol.

– Isso acelera a fotossíntese e a grama recupera-se de forma mais rápida – garante, lembrando ainda que na prática o processo aumenta a resistência do gramado como um todo, sobretudo em relação às chuvas e desgaste com excesso de jogos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: